%{search_type} search results

14 catalog results

RSS feed for this result
Book
232, 56 unnumbered pages : illustrations (some color), maps ; 28 cm
  • Apoiar a cultura è investir no cidadão / Milton Luiz de Melo Santos
  • Apresentação / Vilma Eid
  • A viagem das carrancas / Lorenzo Mammì
  • Carrancas
  • Gautherot encontra Guarany / Samuel Titan Jr.
  • Ensaio fotográfico / Marcel Gautherot
  • Dossiê / Carlos Drummond de Andrade e Clarival do Prado Valladares
  • Cronologia / Liliane Benetti
  • Apêndice
  • Figuras de proa do tocantins e carrancas do São Francisco / Carlos Francisco Moura
  • Carrancas do São Francisco e figuras de proa de outros rios / Paulo Pardal
  • Figuras de Proa Portuguesas e Brasileiras / Carlos Francisco Moura.
Green Library
Book
220 pages : illustrations ; 21 cm
SAL3 (off-campus storage)
Book
323 p. ; 22 cm.
  • A Baía de todos os santos e seu porto natural
  • Origem e falêcia da primeira Companhia Bahiana
  • A história da Companhia Bonfim
  • A Companhia Santa Cruz e a integração regional
  • O renascimento da Companhia Bahiana
  • Os Ingleses e a expnasão da companhia
  • A navegação a vapor no litoral de Salvador
  • A navegação fluvial
  • A Companhia Bahiana na província de Alagoas
  • A expansão na navegação Costeira
  • A navegação no recôncavo
  • O fim da fase expansionista
  • A crise financeira e os naufrácios
  • A nacionalização da companhia e seus últimos anos
  • Conclusão
  • Fontes consultadas.
"Este livro é resultado da tese de doutoramento em Historia Econömica, defendida pelo autor, na USP, no ano de 2006, intitulada Uma contribuição historia dos transportes no Brasil: a Companhia Bahiana de Navegação a Vapor 11839-1894), A obra retrata a trajetöria da Companhia Bahiana no transcurso do século XIX e um breve periodo em que duas empresas surgiram em seu lugar: as companhias Bonfim e Santa Cruz, A inauguração da navegação a vapor na Bahia oitocentista foi fundamental para o processo de modernização regional, coadunando com o momento que a nação experimentava, mais notadamente, a partir de segunda metade do século XIX, Inserida em um contexto mais amplo, fruto da diversificação de capitais e investimentos británicos na periferia do sistema mundial, o advento da navegação a vapor foi essencial para a centralidade e consolidação do regime mondrquico brasileiro, mas também no sentido de proporcionar maior integração territorial em uma época de grandes dispersões espaciais entre as principais cidades e Vilas do pais, alám da fragilidade e insuficiência das comunicações por vias terrestres, Personagem importante para o incremento das relações comerciais provinciais, bem como para trazer maior dinamismo as diversas localidades atendidas por seus vapores, a Companhia Bahiana e suas substitutas tempordrias atravessaram imensas dificuldades em razão do declinio da economia baiana ao longo do século XIXI Vivenciou momentos de prosperidade quando foi administrada pelos ingleses, mas as adversidades presentes nos cendrio regional e nacional obstaculizaram seu desenvolvimento, bem como periodos de má gestão da empresa. Conhecer sua rica e conturbada historia contribui para auxiliar na compreensão da evolução econômica baiana no decurso do periodo oitocentista."--page 4 of cover.
SAL3 (off-campus storage)
Book
480 pages ; 23 cm
SAL3 (off-campus storage)
Book
360 pages : color illustrations, color maps, 29 cm
SAL3 (off-campus storage)
Book
114 p. : ill. (chiefly col.) ; 21 cm.
Green Library
Book
xxxiv, 274 p. : ill. ; 21 cm.
Green Library
Book
220 p. : col. ill. ; 24 x 32 cm.
Green Library
Book
175 p. : ill. ; 24 cm.
SAL3 (off-campus storage)
Book
55 p. : ill. ; 21 cm.
SAL3 (off-campus storage)
Book
204 p. : ill. ; 27 cm.
SAL3 (off-campus storage)
Book
viii, 184 p. : ill. ; 31 cm.
SAL3 (off-campus storage)
Book
181 p. : ill. ; 25 cm.
SAL3 (off-campus storage)
Book
261 p., 1 l. illus. 19 cm.
SAL3 (off-campus storage)